18/04/2017 - 10h58 - Atualizado em 18/04/2017 - 11h20

Prévia oficial do GP dos Estados Unidos

Márquez poderá manter a invencibilidade no Texas?

Fonte: MotoGP

Márquez tentará mais uma vitória no GP em que só ele venceu

Conforme a poeira assenta após o GP da Argentina, o paddock começa a viagem ao norte para os EUA eo Circuito das Américas em Austin, Texas. Uma das mais belas pistas de corrida construída no mundo emuma das joias da região central dos Estados Unidos, o Circuito of The Americas - COTA é um local único,tanto na localização e traçado –, bem como a sua história na MotoGP™, com um full house. O COTA só teve um astro – a partir de sua primeira vitória na segunda corrida para cada temporada desde então.

Em 2017, no entanto, o pelotão está embaralhado com o paddock pousando em terras americanas.Depois de um fim de semana difícil com o tempo chuvoso no Catar, foi Maverick Viñales (Movistar YamahaMotoGP), que cumpriu  bem em sua promessa de pré-temporada – e o homem da Yamaha fez de novo na Argentina, onde Márquez caiu quando tinha uma vantagem de quase dois segundos. Em termos de pontos, a pressão é para o piloto de Cervera atacar novamente – e parece que não poderia haver nenhum momento melhor do que o "campo de caça" de MM93. Isso também significa que uma vitória de Viñales neste fim de semana seria mais do que simplesmente outros 25 pontos.

No ano passado a melhor mão no início estava com o número 93. Uma combinação de ases, blefes e coringas, Márquez voltou com uma coroa que ele ganhou em 75% do tempo que ele competiu por isso – e ele foi o homem que tomou decisões avaliando aqueles ao redor dele. Viñales é agora o homem que abre o jogo de poker, e seu recorde na pista também torna essa leitura difícil.

Um pódio em Moto3™ em seu caminho para o título em 2013, antecedendo a primeira vitória na Moto2™ como novato no ano seguinte – algo que Viñales conquistou na época uma corrida mais cedo do que o número 93 conseguiu na temporada de estreia explosiva na classe intermediária. 2014 viu Viñales levar seu primeiro top 10 como novato na MotoGP™, e no ano passado ele completou o top 4 – um bom presságio antes deste fim de semana onde estará desafiando Marquez.

Atrás do campeão, o homem com os melhores  resultados anteriormente  é seu companheiro de equipe Dani Pedrosa. Pedrosa foi segundo em 2013, segundo em 2014, perdeu 2015 devido a uma lesão e foi novamente lutar pelo pódio no ano passado, antes que um erro e um tombo o deixaram fora da disputa –erro similar  cometeu Valentino Rossi (Movistar Yamaha MotoGP), que pode ser o curinga do fim de semana mais uma vez. Apesar das dificuldades nos treinos e testes, ' The Doctor' fez dois pódios em duas corridas até agora – e diz que seu ritmo antes do erro do ano passado no COTA o faz acreditar que podia ter lutado pela vitória. Foram dois primeiros anos na pista para o número 46, mas em 2015 ele deu um salto à frente em posição e 2016 em ritmo – Rossi assim poderia ser mais um piloto para prestar atenção novamente, desde que  com um pouco de mais sorte do que no ano passado.

A Ducati, de Andrea Dovizioso e Jorge Lorenzo, vai também procurar ser  mais sorte no Texas. 'DesmoDovi' viu que seu GP Argentina encurtar, depois de ser derrubado por Aleix Espargaró (ApriliaRacing Team Gresini), e no COTA a sorte do italiano no ano passado não foi muito melhor – ficando no chão quando Pedrosa caiu. Chave na agenda para Dovizioso será um sólido resultado sem nenhum drama, o que também será uma prioridade para o novo companheiro de equipe Jorge Lorenzo. Depois de uma corrida ruim desde o início no Catar e, em seguida, uma queda na primeira volta na Argentina, o 'Espartano' ainda se acertou em vermelho. No COTA ele terá uma boa oportunidade de realmente abrir a sua conta, no local que anteriormente o viu em  sólido pódio.

Andrea Iannone (Suzuki Ecstar) está também à procura de uma reviravolta. Depois de um acidente no Catar e ser parte do incidente na primeira volta com Lorenzo na Argentina –, bem como em seguida sendo penalizado por queima de largada – o 'maníaco' quer converter sua velocidade em pontos desta vez. Seu companheiro de equipe, o estreante Alex Rins também deve ter um fim de semana um pouco menos desafiador, tendo vencido naquele local na Moto2™ e ter tido mais tempo para recuperar seu tornozelo fraturado após um acidente de motocross antes do GP da Argentina. Rins vai tentar para levar de volta a honra de melhor novato que conquistou no Catar, mas certamente haverá forte concorrência da dupla da Monster Yamaha Tech 3, Johann Zarco e Jonas Folger.

Zarco, que surpreendeu ao liderar sua primeira corrida no Catar, teve outro incrível desempenho na Argentina, onde o bicampeão da™ Moto2 duelou com alguns dos melhores dos melhores. Depois de cruzar a linha para completar os cinco primeiros, a confiança do francês será ainda maior na COTA –como será a de seu companheiro de equipe, que ficou  apenas um lugar atrás de Zarco na Argentina.

Com tais performances incríveis até agora em todo o pelotão, a corrida pode ser de qualquer um. Aleix Espargaró esteve deslumbrante no Catar, Scott Redding (Octo Pramac Racing) é o quarto na classificação, Jack Miller (Estrella Galicia 0,0 Marc VDS) fez um top dez, Álvaro Bautista recuperou-se até a P4 para o Pull & Bear Aspar Team – e a prova da Argentina também viu as duas  Red Bull KTM de fábrica obterem  os primeiros pontos com Pol Espargaró e Bradley Smith. Isso pode ser mais difícil ao longo das técnicas 22 curvas do COTA, mas a fábrica austríaca está no jogo para ficar, e pronta para a corrida em outra pista  nova.

Há uma campanha em Austin para manter a cidade esquisitam mas a MotoGP™ chega na cidade para o Grande Premio das Américas, onde a missão de Márquez  é manter Austin vermelho.

Tudo começa às 11:55 na sexta-feira (Horário de Brasília) para o TL1 (FP1) da MotoGP, e as luzes seapagam para a corrida de domingo, às 16:00.

Classificação do Campeonato Mundial de MotoGP
1 - Maverick Viñales (SPA - Yamaha) 50 pontos
2 - Valentino Rossi (ITA - Yamaha) 36 pontos
3 - Andrea Dovizioso (ITA - Ducati) 20 pontos
4 - Scott Redding (GBR - Ducati) 17 pontos
5 - Cal Crutchlow (GBR - Honda) 16 pontos

Comentários,

Comentar matéria

Não houve comentários sobre este assunto.

West Coast - 306x100

Classificação,

    PILOTO PONTUAÇÃO
    1 Marc Marquez 129
    2 Maverick Viñales 124
    3 Andrea Dovizioso 123
    VEJA TABELA COMPLETA

esportes,22 Nov