15/07/2016 - 02h44 - Atualizado em 15/07/2016 - 02h47

Brasileiro de Motocross desembarca pela primeira vez em Extrema (MG)

A competição é famosa por revelar grandes talentos do motocross

Fonte: Mundo Press

Campeonato patrocinado pela Rinaldi realiza terceira etapa neste final de semana (16 e 17)

O Campeonato Brasileiro de Motocross desembarca pela primeira vez na cidade de Extrema, a 492 quilômetros da capital Belo Horizonte, em Minas Gerais. Patrocinada pela Rinaldi, a competição promete disputas acirradas na terceira etapa, marcada para este final de semana (16 e 17) no Parque de Eventos da cidade. Os fãs do off-road terão acesso gratuito ao evento para ver de perto os competidores das categorias MX1, MX2, MX3 e MXJr.

Caio Lopes, piloto de motocross do Team Rinaldi - Crédito: Café Fotos/Mundo Press

A fábrica gaúcha de pneus ainda estará presente na pista com os pilotos do Team Rinaldi. O circuito é inédito e possui 1400 metros, com trechos que exploram o relevo natural do lugar. Estão confirmados Gabriel Andrigo e Bernardo Zapelini na classe MXJr e Brayan Soares na MX2, além dos representantes da equipe Honda Ipiranga IMS Rinaldi: Caio Lopes (MX2), Venicio Voigt (MX1) e o esloveno Roman Jelen (MX3). Eles utilizarão pneus dos modelos SR 39, HE 40 e RMX 35, da linha off-road da Rinaldi.

Gabriel Andrigo, piloto de motocross do Team Rinaldi - Crédito: Café Fotos/Mundo Press

O gaúcho Gabriel Andrigo está motivado pelo atual momento da carreira. O piloto de 11 anos irá representar o Brasil na classe 85cc do Loretta Lynn 2016, que será realizado no início de agosto nos Estados Unidos. A competição é famosa por revelar grandes talentos do motocross. “Tive um bom resultado na corrida classificatória, um terceiro lugar, e os quatro primeiros conseguiram a vaga para correr no Loretta Lynn 2016. Foi divertido e ainda aprendi muitas técnicas por lá. Acredito que a experiência vai me ajudar na corrida do final de semana. O objetivo é largar bem e conseguir lugar no pódio”, explicou.

Vice-líder da categoria MX3, Roman Jelen precisará de superação em Extrema. “Sofri uma queda forte nos treinos e machuquei o ombro e o braço. Ainda sinto dores, mas optei por competir no final de semana para somar o máximo possível de pontos na tabela. Vou analisar as minhas limitações físicas na pista durante os treinos livres e cronometrados e fazer o melhor na corrida, já que o objetivo maior é brigar pelo título da temporada”, concluiu o esloveno.

Campeonato Brasileiro de Motocross 2016 – 4ª Etapa
Data: 16 e 17 de julho
Local: Parque de Eventos de Extrema–MG (Avenida Delegado Waldemar Gomes Pinto)
Entrada: Gratuita

Programação*

16/7 – Sábado
Das 9h30 às 9:50h – Treino livre classe MX3
Das 10h às 10h30 – Treino livre MX2
Das 10h40 às 11h10 – Treino livre MX1
Das 11h20 às 11h40 – Treino livre MXJR
Das 13h às 13h04 – Treino de largada MX3
Das 13h04 às 13h25 – Treino cronometrado MX3
Das 13h35 às 14h05h – Treino cronometrado MX2
Das 14h15 às 14h45 – Treino cronometrado MX1
Das 14h55 às 15h15 – Treino cronometrado MXJR
15h50 – Corrida MX3 (20 minutos mais duas voltas)
16h20 – Pódio MX3

17/7 – Domingo
Das 9h às 9h04 – Treino de largada MX2
Das 9h04 às 9h20 – Warm up MX2
Das 9h30 às 9h34 – Treino de largada MX1
Das 9h34 às 9h50h – Warm up MX1
Das 10h às 10h04 – Treino de largada MXJR
Das 10h04 às 10h20 – Warm up MXJR
10:50 - 1ª corrida MX2 (30 minutos + duas voltas)
12h30 - 1ª corrida MX1 (30 minutos + duas voltas)
13h30 - Corrida MXJR (20 minutos + duas voltas)
14h - Pódio MXJR
14h10 – Cerimonial de abertura
14h30 - 2ª corrida MX2 (30 minutos + duas voltas)
15h15 - Pódio MX2
15h30 - 2ª corrida MX1 (30 minutos + duas voltas)
16h15 - Pódio MX1

* A programação é fornecida pela organização do evento e está sujeita a alterações.

Comentários,

Comentar matéria

Não houve comentários sobre este assunto.

West Coast - 306x100

Classificação,

    PILOTO PONTUAÇÃO
    1 Antonio Cairoli 478
    2 Clement Desalle 387
    3 Gautier Paulin 383
    VEJA TABELA COMPLETA

esportes,14 Nov