11/06/2015 - 10h13 - Atualizado em 11/06/2015 - 10h17

Catarinense é destaque no motocross nacional

Piloto de 19 anos lidera categoria MX2 do Arena Cross Brasil e do Catarinense MX 2015

Fonte: Yamaha Grupo Geração

João Ribeiro quer dar sequência ao bom momento

João Ribeiro vibra no alto do pódio do Arena Cross - Crédito: Mau Haas

A segunda etapa do Arena Cross 2015, disputada em Jundiaí, São Paulo, chamou a atenção para o potencial de mais um jovem no motocross. Aos 19 anos, o piloto João Ribeiro, da equipe Yamaha Grupo Geração, ganhou a categoria MX2 (motos de 250cc) e assumiu a liderança do campeonato nacional, fazendo frente a atletas mais experientes de todo Brasil.

Nascido em Araranguá, no sul de Santa Catarina, o piloto pratica motocross desde os oito anos de idade. Se tornou profissional em 2012, mantendo desde então uma rotina de treinos. Em 2015, ao se mudar para o Centro de Treinamento da equipe, localizado em Biguaçu, na Grande Florianópolis, Santa Catarina, o seu dia a dia se intensificou. Treinando diariamente com Carlos Campano e Carlos Badiali, aprendeu a cuidar melhor do condicionamento físico, além do fato de ter superado a fase da adolescência e ficado mais consciente de suas responsabilidades.

"Acho que a idade ajuda a desenvolver, a ficar mais maduro. Antes eu caía mais porque era mais novo, arriscava mais, não tinha a experiência que tenho agora. Hoje penso mais, administro melhor, além de que conversamos bastante, já que os mais experientes, como Campano, dão conselhos", explica.

"Cuidamos muito também da parte física, pedalando e correndo, o que é bem importante. Quando tem corrida no fim de semana, descansamos um ou dois dias para encarar a prova 'mais inteiros', mas quando não tem, o treino é bem puxado. Procuro sempre aprender com o (Carlos) Campano, porque ele tem mais experiência, e está sempre ajudando a gente. Tento aproveitar ao máximo isso", revela João, que tem ainda o paranaense Jean Ramos, os paulistas Fabio Santos e Muguinho Paz, e o catarinense Thiago Brenner como companheiros de time.

Quando criança, João se mudou com os pais para o Rio Grande do Sul, onde conquistou oito vezes o campeonato estadual. Agora, de volta a Santa Catarina, o atleta é destaque também no Campeonato Catarinense de Motocross 2015, liderando a categoria MX2 (e a um ponto do líder, Tauan Brenner, na MX1). Após quatro etapas realizadas, João tem a marca de seis vitórias em oito baterias disputadas e, mesmo com os maus resultados do fim de semana passado, segue na briga pelos títulos.

João Ribeiro em ação na segunda etapa do Arena Cross 2015 - Crédito: Mau Haas

A meta, segundo o piloto, é seguir no pelotão de frente do Arena Cross, do Catarinense de Motocross e melhorar no Brasileiro de Motocross, campeonato que ocupa a quinta colocação.

"O objetivo sempre é vencer, estar entre os primeiros. Já ganhei uma no Arena, agora é manter o trabalho e buscar melhorar no Brasileiro", finaliza João.

O próximo compromisso do piloto e da equipe Yamaha Grupo Geração será em Paty do Alferes, Rio de Janeiro, onde acontece a segunda etapa do Brasileiro de Motocross 2015, nos dias 13 e 14 de junho.

Perfil do atleta

Moto: Yamaha YZ 250F
Categoria: MX2 (250cc)
Data de nascimento: 20 de junho 1995
Cidade natal: Araranguá, Santa Catarina
Onde reside: Biguaçu, Santa Catarina (CT Yamaha Grupo Geração)
Lazer: carros rebaixados
Ídolo: João Paulino Marronzinho
Site pessoal: www.instagram.com/joaoribeiro282

Comentários,

Comentar matéria

Não houve comentários sobre este assunto.

West Coast - 306x100

Classificação,

    PILOTO PONTUAÇÃO
    1 Antonio Cairoli 478
    2 Clement Desalle 387
    3 Gautier Paulin 383
    VEJA TABELA COMPLETA

esportes,20 Nov