22/02/2017 - 10h28 - Atualizado em 22/02/2017 - 10h34

Pilotos comentam sétima etapa do AMA Supercross 2017

Etapa foi realizada em Minneapolis, Minnesota, no último dia 18

Fonte: Carol Sarto - BRMX / Fotos: AMA Supercross

As verdinhas dominaram a etapa – Crédito: AMA Supercross

A sétima etapa do AMA Supercross 2017 deu início à Costa Leste do campeonato na 250. A etapa realizada em Minneapolis, Minnesota, no sábado, 18, contou com o domínio da Kawasaki nas duas categorias.

Na 450, Eli Tomac garantiu a terceira vitória da temporada, seguido por Marvin Musquin e Ryan Dungey. Na 250, Joey Savatgy conquistou o primeiro lugar, com Jordon Smith e Zach Orborne completando o pódio.

Confira abaixo os comentários dos pilotos sobre a etapa!

Eli Tomac
Eu não podia parar de acelerar enquanto Marvin e Ryan estavam atrás de mim. Essa foi, de longe, uma das corridas mais complicadas do ano, por conta do tempo de volta que era muito curto. Era uma pista em que você tinha que sobreviver, mas tudo não poderia ter acontecido melhor. Me classifiquei, venci a Heat e o Main Event. Larguei e fiz o meu próprio traçado, precisava manter o foco e ser consistente. Foi uma grande vitória e garanti pontos muito importantes. Vamos para Atlanta!

Joey Savatgy

Lutamos muito essa noite. Honestamente, não me senti bem na pista o dia todo. O Main Event foi um verdadeiro sacrifício para mim. Gostaria de ter andado melhor, mas conseguimos lidar com isso e fiz o que pude. Vamos trabalhar ainda mais para semana que vem e tentar manter a liderança.

Jordon Smith
Sair da corrida com pódio é uma ótima maneira de começar. Queremos aprender algo novo cada vez que estamos na pista e acho que fizemos isso neste fim de semana. Eu lutei durante todo o dia nos treinos e classificatórias e não tinha velocidade e sabia que ia precisar de uma boa largada no Main Event. A pista era complicada, então eu não sabia se ia ser difícil fazer ultrapassagens. De forma geral, a nossa primeira etapa foi boa e estou contente em sair daqui com o segundo lugar.

Marvin Musquin

A corrida começou complicada. Caí nas classificatórias e precisei ir para a Semi, fomos capazes de vencer e ter um lugar no gate. Na verdade, não é tão ruim ir para a Semi, Eli Tomac e Ryan Dungey já provaram isso no passado. Pude aprender mais sobre a pista e no Main Event, fui capaz de fazer boas ultrapassagens no início e logo estava em terceiro lugar. Eles tinham uma boa diferença e pensei que seria difícil chegar, mas depois, Ryan cometeu um erro e fiquei em segundo. A pista era curta e nós tivemos que enfrentar vários retardatários. Finalizar em segundo foi incrível, estou muito feliz.

Zach Osborne
Foi ótimo ser o mais rápido nos treinos. Consegui uma boa largada no Main Event, mas alguém caiu na minha frente e perdi um certo tempo com isso. Cheguei nos líderes e quando estava em segundo, me atrapalhei na parte de areia, mas fui capaz de recuperar e quase conquistar o segundo lugar novamente. Estou me sentindo muito bem e sigo confiante para a temporada. Quero muito conquistar uma vitória e estou focado no campeonato.

Ryan Dungey

Definitivamente não me dei bem com a pista. Tudo pareceu complicado durante o dia. Tinha uma velocidade boa no início do Main Event e estava me sentindo bem, então fui me perdendo aos poucos. Alguns erros e em seguida, Marvin Musquin me passou, e ele estava andando muito bem. Vi alguns de seus traçados quando estava atrás e eram realmente ótimos, mas é bom estar de volta ao pódio.

Jason Anderson
Eu tenho sido bem consistente. Fiz o holeshot essa noite e venci a Heat, o que foi ótimo. Corri bem no Main Event e conquistei o quarto lugar. Ninguém estava atrás de mim, então corri sozinho praticamente a prova inteira. A pista era bem difícil.

Comentários,

Comentar matéria

Não houve comentários sobre este assunto.

West Coast - 306x100

esportes,21 Nov