15/07/2016 - 03h07 - Atualizado em 15/07/2016 - 03h09

Nova Yamaha Lander 250 2017, preço e especificações

A 'novidade' trouxe o mesmo desenho da linha anterior

Zuun,motorcycles

Trazendo novo sistema de uso misto e motorização flex, a nova Yamaha Lander 250 2017 permite ao piloto andar com gasolina ou etanol.

Contando com identidade visual similar ao modelo anterior e também trazendo base do modelo 2016, a nova Yamaha Lander 250 2017 foi apresentada pela montadora japonesa para o mercado brasileiro, chegando com opções de cores azul e vermelha e também as novas cores cinza e branca.

Nova Yamaha Lander 250 2017

Para aqueles que esperavam por grandes novidades ou mudanças para a linha 2017, no entanto, o lançamento da nova Yamaha Lander 250 2017 não surpreendeu. A “novidade”  trouxe o mesmo desenho da linha anterior, que segue similar desde seu lançamento em 2007, praticamente 10 anos, não trazendo nenhum tipo de alteração drástica renovando seu visual, contando apenas com novo painel.

Motorização da nova Yamaha Lander 250 2017

Deixando aqueles que esperavam por uma revolução em sua nova geração bastante decepcionados, a nova Yamaha Lander 250 2017 trouxe apenas alterações pontuais para a versão 2017, como o novo motor bicombustível, que a montadora batizou pela alcunha já conhecida de “BlueFlex”, enquanto o desenho e configurações seguem as mesmas, com o cansado visual sendo utilizado desde sempre.

O motor da nova Yamaha Lander 250 2017 não traz novidades em questões de potência ou de desempenho, sendo equipada com o monocilindrico de 250 cc que já era utilizado na versão anterior.

Essa versão agora passa a poder ser abastecido com etanol, gasolina ou mesmo uma combinação de ambos os combustíveis, sendo que a mudança vem mais para se adequar às novas políticas de emissão de poluentes do que como vantagem econômica, já que em apenas alguns Estados do Brasil o uso do etanol é economicamente vantajoso.

Preço da nova Yamaha Lander 250 2017

A única atualização que a nova Yamaha Lander 250 2017 recebeu, além da motorização flex, foi o novo painel, que agora passa a ser totalmente digital, assim como na Ténéré 250, trazendo também piscas cristal e novos grafismos, que foram aplicados às novas opções de cor Branca e Cinza, complementando as cores Laranja e Azul, que já estava disponíveis.

O grande ponto de descontentamento com a nova Yamaha Lander 250 2017, que de nova trouxe pouquíssima coisa, é o aumento de preço, sendo que o novo modelo passou de R$14.150 para R$15.627,00, chegando às concessionárias da montadora em todo o Brasil a partir da segunda quinzena deste mês de julho.

E aí, o que achou das mudanças na Yamaha Lander 250 2017? Foram poucas ou foram suficientes? Comenta aí embaixo no espaço de comentários para gente…

Comentários,

Comentar matéria

Não houve comentários sobre este assunto.

West Coast - 306x100

notícias,21 Ago