08/06/2016 - 02h57 - Atualizado em 08/06/2016 - 02h59

Clandestina by XTR: incrível e invocada Café Racer

O novo nome a integrar a lista da oficina é a Clandestina by XTR

Zuun,motorcycles

Focada no segmento das customizadas, a Café Racer Clandestina, da oficina espanhola XTR, é custom baseada em clássica Bultaco Mercurio 125 de 1962.

O ano de 2016 tem se consolidado como um dos mais interessantes entre os fãs das customizadas, que ganham recentemente diversos lançamentos, sendo que o nome mais recente dentro deste segmento é a nova Clandestina by XTR, modelo baseado na Bultaco Mercurio 125, produzida em 1962.

A nova Clandestina by XTR

Com forte tradição na personalização de motocicletas clássicas e de baixa cilindrada, transformando-as em belas e interessantes Café Racer, o estúdio e oficina de personalização espanho XTR tem se tornado especialista em transformar clássicos do motociclismo em modelos para apaixonar qualquer fã do estilo e do despojamento das café racers.

O novo nome a integrar a lista da oficina é a Clandestina by XTR, baseada em uma Bultado Mercurio 125, de ano 1962, que acabou por se tornar uma atraente café racer que, com peso vazio de apenas 99 kg, extremamente leve, certamente agradaria um grande número de fãs das duas rodas.

Detalhes da Clandestina by XTR

A Clandestina by XTR é uma homenagem válida às motocicletas clássicas da Bultaco, que retornou ao mercado recentemente com uma nova linha de motos elétricas e conta com motor Bultaco Pursang 250, que foi preparado para oferecer 370 cc, trazendo também carburador Keihin de 39mm, chassis atualizado e revisto e sub-frame visando acomodar o novo motor, além de amortecedor traseiro Betor e braço oscilante da Yamaha SR500.

Equipamentos da Clandestina by XTR

O modelo transformado em café racer pelo estúdio espanhol também ganhou diversos novos detalhes, sendo que os principais destaques da Clandestina by XTR estão na personalização com pedaleiras RAV, roda dianteira, suporte do banco, garfo e semi-guidão da Cagiva Mito 125, além de contar com freios a disco NG, escape Supermario, imitando o da Bultaco TSS 250.

O modelo também conta com pintura à mão Artenruta, corrente dourada, assento individual em fibra de carbono RAD 02, além de outros detalhes que visam tornar essa motocicleta clássica uma nova e renovada paixão para os fãs das duas rodas, em especial para aqueles que admiram a história da Bultaco ou são fãs do estilo café racer.

Comentários,

Comentar matéria

Não houve comentários sobre este assunto.

West Coast - 306x100

notícias,21 Ago